Morre mulher que perdeu o braço em acidente com lancha em Brasília, ela salvou o filho – Blotz – Site de notícias para você ficar bem informado.
Site Overlay

Morre mulher que perdeu o braço em acidente com lancha em Brasília, ela salvou o filho

Deysivânia Costa do Rego de Paula, de 36 anos de idade, perdeu a vida no último sábado, dia 29 de janeiro, durante um passeio de lancha no lago Paranoá, em Brasília.

A vítima foi atingida pelas hélices da embarcação após cair na água, a Polícia Civil do Distrito Federal e a Marinha já estão investigando o caso, dois inquéritos distintos já estão em andamento.

Segundo informações apuradas até o momento, Deysivânia foi encontrada logo após ter caído na água e ser alcançada pelas hélices, ela estava sem o braço. O Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF), foi acionado e chegou momentos depois, conduzindo-a até o Hospital de Base. Ao chegar na unidade de saúde, ela chegou a ser intubada, mas devido ao seu estado considerado crítico, o óbito foi confirmado neste domingo, dia 30.

Deyse, como era chamada por amigos e familiares, estava passando férias com a família na capital federal. Ela era graduada em estudos sociais, casada e tinha dois filhos. Através das redes sociais, amigos e parentes lamentaram por sua perda, todos foram unânimes em destacar a boa pessoa que ela era.

Até agora, de acordo com informações fornecidas pelo Corpo de Bombeiros, o acidente ocorreu por volta das 16h do sábado, Deyse estava com a família na lancha e viu quando seu filho desequilibrou-se e caiu na água, enquanto a lancha fazia uma manobra para ancorar. Sem pensar duas vezes, ela pulou na água em busca do filho, conseguiu resgatar a criança, mas foi alcançada pelas hélices da embarcação.

Retirada da água, já inconsciente, ela teve várias lesões graves no abdômen e o braço direito amputado, que só foi encontrado no dia de hoje. O condutor da lancha foi encaminhado até uma delegacia, onde realizou o teste do bafômetro, que deu resultado negativo para o uso de bebida alcoólica.